FLORAIS DE BACH

FLORAIS DE BACH
EDWARD BACH

domingo, 16 de dezembro de 2012

9 - ESTADO DE SENSIBILIDADE EXCESSIVA A INFLUÊNCIAS E OPINIÕES - MATÉRIA MÉDICA DOS FLORAIS



Download do texto integral do blogue em »
http://www.homeoesp.org/livros_online.html




9 – ESTADO DE SENSIBILIDADE EXCESSIVA A INFLUÊNCIAS E OPINIÕES – MATÉRIA MÉDICA DOS FLORAIS DE BACH






AGRIMONY
          (Agrimonia Eupatoria)

             Para estados de sensibilidade excessiva a influências e opiniões.

Para pessoas joviais, alegres, de bom humor, que gostam de paz e detestam discussões. Não obstante pareçam sempre descontraídas e alegres, escondem tormentos e inquietações profundas. Algumas tomam álcool ou drogas para se estimularem e continuarem a suportar os seus tormentos e dores.

Alegria; Aparenta bom humor; Ansiedade; Tem preocupações que não transmite a ninguém; Não se queixa mesmo quando doente; Não gosta de estar só; Não gosta de discussões; Torturado mentalmente; Por vezes deseja a morte; Insónia e sono pouco reparador; Recorre ao álcool para atenuar o sofrimento; Toxicodependência; Aumento de peso por excessos alimentares,  como compensação dos seus tormentos.


   
CENTAURY
           (Erythroea Centaurium)

             Para estados de sensibilidade excessiva a influências e opiniões.

Indicado para pessoas delicadas, gentis, suaves, ansiosas por agradar e servir os demais, levando o seu esforço às últimas consequências, cumprindo mais tarefas do que o normalmente possível. Tornam-se demasiadamente servis.

Sugestionável; Orientado indevidamente pelos outros, atento o seu carácter influenciável; A vida é um peso difícil de suportar; Exaustão; Fadiga; Tendência a agradar; Chega a ser maltratada pelos outros sem demonstrar  oposição; Vontade fraca.



WALNUT
           (Juglans Regia)

             Para estados de sensibilidade excessiva a influências e opiniões.

Indicado para as pessoas que precisam da protecção de  influências externas, durante uma mudança de situação, tal como o divórcio, puberdade, carreira profissional.
É o remédio indicado para todas as grandes mudanças na vida.

Relações que terminam e que afectam profundamente a estrutura mental dos relacionados; Quebra de tradições; Perda de convicções; Quando afectado pelos problemas emocionais de outras pessoas que podem exaurir as suas forças emocionais.



HOLLY
           (Ilex Aquifolium)

             Para estados de sensibilidade excessiva a influências e opiniões.

Para qualquer estado emocional negativo, sentido intensamente: ciúme, raiva, ódio, inveja, ambição desmedida, agressividade, entre outros.

Desaforos; Afrontas; Atormentado por ciúme; Insatisfeito com a vida por inveja; Desejo de vingança; Ódio por via de ciúme; Ciúme patológico; Sensível a insultos; Desejo de violência; Desconfiado; Ambição descontrolada.




7 comentários:

  1. Olá José Maria! Como vai? Eu gostaria de um contato privado (email, por exemplo) para conversar contigo. Queria algumas recomendações homeopáticas. Sou brasileiro. Meu email é agro.abcz@hotmail.com. Aguardo resposta. Obrigado.

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde Amigo

    Já lhe enviei mail.

    Abraço.

    JMA

    ResponderEliminar
  3. Mario A Silva (28/11/2016)
    Dr José. Gostaria de saber a possibilidade dese ingerir um sal altamente tóxico, até no manuseio "PERIODATO DE POTÁSSIO", isto com a finalidade de fechar uma enzima produzida pela clamídia, que segundo o meu ver é a causa do mal de Peyronie, Grato por uma observação.

    ResponderEliminar
  4. Mario A Silva (28/11/2016)
    Dr José. Gostaria de saber a possibilidade dese ingerir um sal altamente tóxico, até no manuseio "PERIODATO DE POTÁSSIO", isto com a finalidade de fechar uma enzima produzida pela clamídia, que segundo o meu ver é a causa do mal de Peyronie, Grato por uma observação.

    ResponderEliminar
  5. Boa noite Amigo

    Espero que não se queira suicidar (estou a sorrir) »

    http://cloud.cnpgc.embrapa.br/igu/category/s12-administracao/c42-gestao/administracao/srh/fispq/laboratorios/Periodato%20de%20pot%C3%A1ssio.pdf

    A única hipótese de o fazer seria por intermédio de uma diluição homeopática - no entanto tenho dúvidas que a consiga no mercado (até por ausência de patogenesia realizada).

    Abraço.

    JMA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Prezado doutor. Eu pensei "se fosse possível" usar exatamente na ultima diluição homeopática mais próxima da inversão física do medicamento, este sal é usado em laboratório para fechar a enzima "proteínase" uma das produzidas pela clamídia, que no meu entender é a responsável por agregar proteínas existentes no sangue, como o colesterol. E até cheguei a pensar que com este sal poderia também fechar a enzima produzida pelo HIV, protease, mas neste caso não consegui dados suficientes. Outro elemento que também fecha a proteínase é uma enzima produzida pelo staphylococcus aureus, de nome "lecitinase", se houver algum jeito de ingerir ou outra forma estes elementos no meu entender seria a cura para a síndrome de Peyronie(Apenas teoria). Grato por seu altruísmo.

      Eliminar
    2. Boa noite Amigo

      E consegue o homeopático? Qual a menor potência que o farmacêutica lhe indica?

      Abraço.

      JMA

      Eliminar